10 sugestões para a utilização de lentes de contacto

Que tipos de lentes de contacto existem, o que podem fazer e quais os aspectos importantes para oferecerem uma boa visão?

As lentes de contacto e os óculos formam uma boa equipa. Para muitas pessoas, as lentes de contacto são sinónimo de maior liberdade visual para levar uma vida activa e dinâmica, por exemplo, durante a prática de desporto ou durante as férias. Estas também podem ocultar o facto de que necessita de graduação, dando-lhe uma aparência mais natural, sem os entraves dos óculos. Criámos uma lista com 10 sugestões sobre a utilização de lentes de contacto para lhe garantir uma visão saudável e descontraída a longo prazo.

1. Que tipo de lentes de contacto e para quem?

Em primeiro lugar, tem de saber se a sua graduação pode ser corrigida com lentes de contacto:

As lentes de contacto podem corrigir a miopia e a hipermetropia, bem como outras deficiências visuais como o astigmatismo e a presbiopia. No entanto, não permitem integrar prismas compensadores para corrigir o desalinhamento do olho. Este desalinhamento é denominado heteroforia associada e só pode ser corrigido com lentes oftálmicas.

As lentes de contacto podem ser classificadas como lentes moles e lentes rígidas.

As lentes de contacto moles são categorizadas em função do tempo de uso até que tenham de ser substituídas. A isto denomina-se modalidade. Actualmente, existem 4 modalidades de lentes graduadas: lentes diárias que duram um dia, lentes quinzenais, lentes mensais e lentes de substituição a cada 6 meses e de uso prolongado que podem ser usadas até 30 dias sem terem de ser retiradas.

Existem dois tipos principais de lentes de contacto rígidas: as lentes de contacto rígidas padrão que são ajustadas individualmente aos olhos do utilizador e, dependendo do material, podem durar entre um e dois anos. Estas lentes são usadas durante o dia e retiradas à noite. E as lentes de contacto ortoqueratológicas que são usadas durante o sono e retiradas de manhã.
Estas lentes de contacto alteram a forma da córnea durante a noite para que possa dispensar o uso de auxílios visuais no dia seguinte.

À semelhança do que acontece com os óculos, é imprescindível o serviço profissional de um especialista para ajustar as suas lentes de contacto. O seu óptico pode fornecer-lhe aconselhamento detalhado e recomendar-lhe as lentes de contacto mais adequadas para as suas necessidades. Este fornecer-lhe-á algumas dicas sobre como colocar e retirar as lentes e recomendar-lhe-á as melhores formas de as limpar.

Olhe pela sua saúde: os utilizadores de lentes de contacto devem visitar um especialista da visão para efectuar exames de rotina regulares.  

Limpeza: a prioridade absoluta para as suas lentes de contacto!

2. Limpeza: a prioridade absoluta para as suas lentes de contacto!

Se não limpar os óculos, compromete a qualidade da sua visão. Pode causar incómodo, mas não é prejudicial. O mesmo não acontece com as lentes de contacto. As lentes de contacto estão em contacto directo com o olho, pelo que a sua limpeza e manutenção são fundamentais. Por mais óbvio que pareça, nunca é demais lembrar que deve lavar as mãos antes de colocar ou de retirar as suas lentes de contacto.

A água da torneira não está esterilizada. Por isso, use sempre uma solução salina para lavar as suas lentes de contacto e um produto de limpeza adequado para limpar tanto as lentes como o estojo das mesmas. O estojo deve ser substituído todos os meses. O gargalo do frasco com a solução de limpeza deve estar permanentemente asséptico e não não deve entrar em contacto directo nem com os seus dedos nem com as lentes de contacto. Não utilize produtos de limpeza de lentes após o prazo de validade. Limpe e desinfecte as suas lentes de contacto imediatamente depois de as tirar. Faça-o manualmente e coloque-as em seguida no respectivo estojo.

Guarde sempre as lentes de contacto na solução de limpeza, da forma mais higiénica possível, dentro do estojo para o efeito. Substitua a solução após ter sido utilizada para garantir que permanece asséptica. Podem ser utilizadas soluções tudo-em-um para a limpeza e armazenamento das suas lentes. É importante usar os produtos de limpeza certos para o seu tipo de lentes de contacto de forma a evitar uma possível reacção química prejudicial.

Durante quanto tempo devem as lentes de contacto ser usadas? O que é melhor para os seus olhos?

3. Durante quanto tempo devem as lentes de contacto ser usadas? O que é melhor para os seus olhos?

As lentes de contacto não devem ser usadas ininterruptamente. Dê um descanso aos seus olhos – e também ar fresco. Os especialistas desaconselham usar lentes de contacto durante mais de oito horas.
No entanto, não existe regra definida, uma vez que o tempo de uso varia de pessoa para pessoa e depende do tipo e da qualidade das lentes de contacto. Respeite sempre o tempo de uso especificado, as instruções de limpeza e o prazo de validade para garantir que as lentes não irritam os seus olhos. Além disso, deverá confirmar a permeabilidade ao oxigénio das lentes de contacto antes de as comprar, porque este aspecto, entre outros, é decisivo para o tempo de uso. Isto é indicado pelo valor Dk (constante dieléctrica relativa). É influenciado pelo material e, em certa medida, também pela temperatura da lente. Aconselhe-se com o seu óptico.

As lentes de contacto permanentes foram criadas para pessoas que são alérgicas às soluções de limpeza. Pergunte ao seu óptico se estas lentes são adequadas para si – afinal, irá usá-las continuamente durante 30 dias, incluindo de noite. Não necessita sequer de retirar as lentes esporadicamente para as limpar nem desinfectar.

Se os seus olhos mostrarem sinais de inflamação ou irritação ou se sentir dor, retire as lentes de contacto e use os óculos. Proceda da mesma forma se tiver febre ou uma forte constipação. Após recuperar de uma doença, deve perguntar ao seu médico se pode continuar a usar as mesmas lentes de contacto ou se, como medida de precaução, as deve descartar. Isto é especialmente importante para as lentes mensais ou de substituição a cada seis meses.

4. Olhos secos ou fadiga ocular durante a utilização de lentes de contacto

É indiscutível que as lentes de contacto oferecer maior liberdade e independência, mas causam um problema que afecta muitos utilizadores: olhos secos. As gotas oftálmicas podem ajudar nesta situação, mas nem todas são indicadas. Pergunte ao seu óptico ou oftalmologista quais são as gotas oftálmicas mais adequadas para utilizadores de lentes de contacto e com que frequência as deve aplicar e qual a dose. Usar óculos durante curtos períodos de tempo pode também proporcionar alívio. De noite, após um árduo dia de trabalho no escritório, por exemplo: coloque as lentes de contacto na solução de desinfecção, dentro do estojo, e, em vez delas, use óculos.

Jogo de equipa: não se trata de usar óculos OU lentes de contacto, mas sim de usar óculos E lentes de contacto

5. Jogo de equipa: não se trata de usar óculos OU lentes de contacto, mas sim de usar óculos E lentes de contacto

Os estudos da ZEISS demonstram que cada vez mais pessoas adoram os seus óculos e que, muitas vezes, têm vários modelos graduados. Sabia que existem lentes ZEISS para óculos que foram especialmente desenvolvidas para proporcionar alívio aos olhos após o uso de lentes de contacto? As lentes oftálmicas ZEISS EnergizeMe oferecem muito mais aos utilizadores de lentes de contacto do que um típico par de óculos. O seu design inovador foi especialmente optimizado para o comportamento visual dos utilizadores de lentes de contacto e para a visão no mundo digital.  

6. O contrário também é válido: desporto/natação/férias – em determinadas situações, as lentes de contacto diárias também são uma alternativa interessante para utilizadores de óculos

Se necessário, os utilizadores de óculos podem mudar para lentes de contacto diárias sem dificuldade, por exemplo, durante as férias ou para praticar desporto. Neste caso, uma vez mais, o seu óptico terá todo o prazer em o ajudar a escolher as lentes de contacto certas, seja este o seu primeiro par ou não.

Os utilizadores de lentes de contacto também precisam de óculos de sol.
Certifique-se de que escolhe umas lentes de contacto com filtro UV integrado para garantir que a córnea e o interior do olho ficam protegidos contra os raios UV nocivos. Também os utilizadores de lentes de contacto devem ter cuidado com a radiação UV: as lentes de contacto não oferecem protecção máxima contra a radiação UV porque cobrem apenas uma parte do olho. Por isso, os óculos de sol são imprescindíveis para estes utilizadores.  

7. Lentes de contacto coloridas para ocasiões especiais

As lentes de contacto coloridas são um verdadeiro sucesso – com ou sem graduação. Quer atrair atenções num evento especial com uns penetrantes olhos azuis ou roubar o protagonismo numa jantarada com uns sedutores olhos verdes que combinam na perfeição com o seu vestido sensacional? Ou quer dar o toque final ao seu disfarce do Dia das Bruxas com uns sinistros olhos de gato? Com lentes de contacto, tudo é possível. Arrisque, experimente e veja por si! Às vezes, os olhos valem mais do que mil palavras. A manutenção das lentes coloridas deve ser igual à das lentes incolores: uma limpeza cuidadosa com produtos de limpeza adequados é vital para a saúde dos seus olhos.

Lentes de contacto coloridas para ocasiões especiais

8. Usar lentes de contacto de um dia para o outro: o que dizem os especialistas?

Há noites que, pura e simplesmente, não foram feitas para dormir! E é nessas ocasiões que nos esquecemos de que ainda temos as lentes de contacto postas. Onde é que é suposto que as coloquemos a meio de uma festa pela noite dentro? Até mesmo em situações como estas deve pensar nos seus olhos e no dia seguinte. Em dias, ou melhor, em noites como estas, a melhor opção é usar lentes diárias descartáveis. E, obviamente, também com estas deve lavar bem as mãos para evitar infecções. No entanto, com as lentes diárias, a sujidade e o risco de as perder não representam grandes problemas. Estas são descartáveis após a utilização e não têm de ser desinfectadas. Depois disso, pode usar uns óculos modernos com lentes finas e vistosas. É a combinação perfeita entre óculos e lentes de contacto!

Usar lentes de contacto de um dia para o outro: o que dizem os especialistas?

9. Visão moderna no mundo digital – o que mudou?

Verificar e-mails ou mensagens do WhatsApp, ver vídeos no YouTube, conversar com amigo por chat ou ler um livro no tablet. Dispositivos digitais, como smartphones, e-readers, entre outros, já fazem parte do dia-a-dia como uma carteira, um jornal ou as chaves do carro. No entanto, representam um desafio para os nossos olhos. Estes dispositivos digitais são utilizados a curtas distâncias – mais curtas até do que quando lemos um livro – obrigando os nossos olhos, agora mais do que nunca, a alternarem com frequência entre visão de perto e de longe. A visão moderna necessária na era digital exige um enorme esforço dos nossos olhos. E os olhos dos utilizadores de lentes de contacto não são excepção. Os óculos podem proporcionar o alívio perfeito! Usar o smartphone, o tablet ou outro dispositivo digital durante muito tempo pode forçar e cansar os seus olhos. Especialmente concebidas para dar resposta às necessidades dos utilizadores de lentes de contacto, as lentes oftálmicas ZEISS EnergizeMe contam com uma tecnologia especial que facilita a leitura de livros e de todos os tipos de dispositivos digitais, sendo uma excelente opção para evitar a fadiga visual digital.  

10. Lentes de contacto progressivas – mais do que uma potência em cada lente

A presbiopia é um problema que nos afecta a quase todos à medida que envelhecemos. Precisamos de lentes progressivas que ofereçam uma boa visão a curtas, médias e longas distâncias. As lentes de contacto progressivas ou multifocais também são uma boa solução, estão disponíveis em várias versões. A solução mais simples é combinar lentes de contacto para ver ao longe com óculos de ver ao perto. Outra opção é o método de monovisão em que um olho é corrigido com uma lente de contacto para a visão de perto e o outro olho com uma lente para a visão de longe. A habituação e o cérebro fazem o resto. No entanto, a sua visão tridimensional pode ficar ligeiramente comprometida, além de que não deve existir uma grande diferença entre a visão do seu olho direito e a do olho esquerdo.

O «sistema simultâneo» consiste em lentes de contacto que combinam as graduações específicas para a visão de perto e de longe numa única lente, de forma alternada. São usados diferentes desenhos. As duas potências para ver ao perto e ao longe estão sempre dispostas em anéis circulares na lente de contacto progressiva. Em alguns desenhos, a zona de visão de longe localiza-se no centro e a zona de visão de perto está nas bordas da lente. Inclusivamente, existem lentes com um anel para zona de transição intermédia ou com potências que se alternam a cada anel. A percepção das duas potências é simultânea. O nosso cérebro fica acostumado a ver a imagem “correcta” a curta e a longa distância.

Importante: experimente e peça a ajuda de um especialista. Nem todas as pessoas se adaptam a este tipo de lente.

Teste de visão online da ZEISS Consegue ver bem os contrastes e as cores? Teste a sua visão aqui de forma rápida e simples!
O meu Perfil Visual Determine já os seus hábitos visuais e encontre a sua solução de lentes oftálmicas.
Encontre uma óptica ZEISS perto de si

Artigos relacionados

10 conselhos para ter olhos saudáveis Como evitar os olhos secos e a fadiga ocular.

Saúde e prevenção 18/abr/2019

Tags:

Glaucoma – tudo o que precisa de saber acerca da segunda maior causa de cegueira O glaucoma é uma doença grave dos olhos que afecta a tensão ocular.

Saúde e prevenção 14/mar/2019

Tags:

Porque razão é que os óculos das crianças devem oferecer a melhor protecção UV O que todos os pais devem saber, para proteger os olhos dos seus filhos contra a radiação ultravioleta (UV) nociva.
Quais os óculos de sol adequados para a sua actividade favorita? Existe um par de óculos de sol perfeito para qualquer ocasião

Produtos relacionados