SMILE: um guia breve rápido

Cirurgia ocular a laser minimamente invasiva para correção da visão

Se está a considerar cirurgia a laser para corrigir um erro refrativo, como miopia ou astigmatismo, a técnica SMILE poderá ser uma opção viável. Aqui tem as informações de que necessita sobre esta solução de elevada precisão.

O que é a técnica SMILE?

Cirurgia minimamente invasiva para correção da visão

A Extração Lenticular com Pequena Incisão através da técnica SMILE é o tipo de cirurgia ocular a laser mais recentemente desenvolvida. Trata-se de um procedimento minimamente invasivo capaz de corrigir diversas dificuldades de visão, tais como miopia e astigmatismo.

A técnica SMILE é uma opção popular, sendo utilizada em mais de 1300 clínicas e praticada por mais de 2500 cirurgiões em todo o mundo. Já foram corrigidos milhões de olhos com miopia e/ou astigmatismo através da técnica SMILE, em mais de 80 países.

Como funciona a técnica SMILE?

A técnica SMILE utiliza um laser de femtosegundo para remodelar a córnea. Trata-se de um laser de femtosegundo de impulso extremamente curto e próximo de infravermelho, também frequentemente utilizado para criar um flap LASIK. A elevada intensidade de pico durante uma duração de impulso extremamente baixa (alguns femtosegundos) do laser permite-lhe criar orifícios individuais de microprecisão (bolhas) que formam cortes ou planos no tecido corneal sem afetar os tecidos circundantes.

Em menos de 30 segundos, o laser cria um pequeno pedaço de tecido corneal em forma de lente (denominado lentícula) no interior da córnea. De seguida, o cirurgião remove a lentícula através de uma pequena incisão na parte exterior do olho. Isto permite remodelar a córnea e corrigir o erro refrativo.

O laser de femtosegundo produz (ou cria) uma camada fina imediatamente sob a superfície do olho, ao mesmo tempo que cria também uma pequena abertura. Trata-se de um procedimento praticamente silencioso e inodoro, sendo que o paciente pode permanecer na mesma posição desde o início até ao fim.

Vantagens

Os lasers de femtosegundo estão concebidos para atravessar as superfícies superiores da córnea de forma inofensiva, criando a lentícula apenas numa subcamada específica da córnea, o que significa:

  • Com uma incisão inferior a 4 mm na superfície do olho, a técnica SMILE® permite um procedimento minimamente invasivo.
  • Não é necessário remover a camada exterior da córnea.
  • Os nervos corneais que estimulam as glândulas lacrimais não são tão afetados, sendo ainda capazes de manter os olhos lubrificados. Os efeitos secundários, como síndrome de secura ocular, são raros na sequência de procedimentos com a técnica SMILE.
  • É possível manter a estabilidade corneal, visto que as camadas superiores da córnea não são praticamente afetadas.

Preparação para a cirurgia

Antes e no dia da cirurgia

Antes da cirurgia, os pacientes são normalmente instruídos pelo médico no sentido de:

  • Não usar lentes de contacto rígidas durante, pelo menos, quatro semanas nem lentes suaves durante duas semanas antes da cirurgia, visto que isso poderá interferir com os testes de diagnóstico pré-operatórios.
  • Não aplicar maquilhagem, perfume ou cremes no dia anterior ao procedimento nem no dia do mesmo. Estes produtos podem deixar resíduos em redor do olho e nas pestanas, o que aumenta a possibilidade de infeção.
  • Providenciar transporte alternativo imediatamente após a cirurgia e, possivelmente, durante alguns dias após a mesma.

Os passos

Entorpecimento do olho

Entorpecimento do olho

Para reduzir a dor durante a cirurgia, são administradas gotas de anestesiante para entorpecer o olho. É utilizado um fixador de pálpebra para evitar o pestanejo durante a cirurgia.

Criação da lentícula e da incisão

Criação da lentícula e da incisão

Após o entorpecimento do olho, é necessário imobilizá-lo para a cirurgia. Para isso, é colocada uma lente de vidro suavemente sobre o olho, sendo posteriormente ligada ao dispositivo laser. Durante este passo, poderá sentir uma ligeira pressão. Assim que o olho se encontra imobilizado, o laser cria uma lentícula no interior da estroma (uma subcamada interior da córnea) e cria uma incisão de acesso na superfície corneal com menos de 4 mm de largura.

Remoção da lentícula

Remoção da lentícula

O cirurgião remove a lentícula através da pequena incisão gerada pelo laser.

Correção do erro refrativo

Correção do erro refrativo

A remoção da lentícula irá alterar a forma da córnea, corrigindo o erro refrativo. A incisão é tão pequena que será automaticamente curada após algum tempo.

Após a cirurgia

Processo de cura com mínimo desconforto

  1. Após a cirurgia, é recomendado não esfregar o olho que foi operado, descansar e não efetuar demasiados esforços. O seu médico poderá recomendar o uso de um penso ocular durante uma semana enquanto dorme, para evitar esfregar acidentalmente o olho.
  2. Normalmente, os médicos agendam um exame de acompanhamento no dia após a cirurgia e novamente após um mês.
  3. Visto que a técnica SMILE proporciona uma aplicação minimamente invasiva, o desconforto sentido durante o processo de cura será igualmente reduzido. 
  4. Normalmente, os pacientes poderão conduzir, trabalhar, usar maquilhagem e praticar desportos alguns dias após a cirurgia.

Potenciais efeitos secundários

Nenhuma intervenção cirúrgica está isenta de riscos e efeitos secundários. O seu profissional de saúde poderá explicar-lhe todos os potenciais riscos e decidir se será elegível para a cirurgia.

Os potenciais efeitos secundários poderão incluir:
  • Problemas na córnea, retina e outras partes do olho
  • Perturbação visual
  • Diminuição da visão
  • Dor ocular
Poderá também sofrer limitações temporárias, como recuperação visual tardia.

Salientamos também que é possível que ocorra uma correção excessiva ou insuficiente após qualquer cirurgia a laser à visão. Nem todas as pessoas obtêm um resultado refrativo perfeito após a operação. A quantidade de correção da visão pode variar dependendo de condições individuais, podendo permanecer um erro refrativo residual, o que poderá fazer com que os pacientes ainda necessitem de óculos ou lentes de contacto após a cirurgia.
Contudo, caso apresente uma insuficiência de correção significativa, o seu profissional de saúde poderá recomendar que seja submetido a novo tratamento. Para tratar uma correção excessiva, poderão ser receitados colírios ou lentes de contacto suaves.
Outras possíveis complicações e efeitos secundários após a extração da lentícula, bem como de tipos alternativos de correção a laser da visão, encontram-se explicados em potenciais riscos.

Perguntas frequentes

Quem é elegível para a técnica SMILE?

A técnica SMILE está concebida para corrigir a miopia, o astigmatismo ou uma combinação destes, não sendo ainda uma opção para a hipermetropia.

A natureza e gravidade do erro refrativo, bem como a curvatura e espessura da córnea, também são determinantes.

A sua profissão e passatempos são igualmente importantes. Caso participe frequentemente em desportos de contacto intensos, o seu médico poderá recomendar um tratamento com a técnica SMILE.

Tal como acontece com outros métodos de correção a laser da visão, deverá primeiro ser submetido a um exame ocular detalhado para determinar se será um candidato adequado.
Em conjunto, você e o seu médico poderão escolher a opção que melhor se adequa às suas necessidades.

As técnicas PRK/LASEK também não necessitam de flap na córnea. Como diferem estas soluções da técnica SMILE?

Os procedimentos PRK/LASEK apresentam um tempo de cura superior e implicam algum desconforto até ser alcançado o resultado de visão final. A estabilização da acuidade visual também demora mais tempo.

Após a técnica SMILE, quanto tempo é necessário até ser capaz de ver adequadamente sem óculos ou lentes de contacto e voltar à minha rotina normal?

O processo de cura diverge entre pacientes. Na maioria dos casos, a acuidade visual será muito boa um ou dois dias após a cirurgia e estabilizará no prazo de uma semana. Apenas alguns dias após o tratamento a maioria dos pacientes será capaz de conduzir, trabalhar e praticar desporto sem óculos ou lentes de contacto.

O meu oftalmologista nunca ouvir falar da técnica SMILE. Não se trata de uma solução comum?

A técnica SMILE representa a mais recente inovação ao nível da correção a laser da visão, encontrando-se disponível desde 2011. A técnica é conhecida e reconhecida por associações do setor médico no âmbito de cirurgias oculares refrativas a laser.

A popularidade da técnica SMILE continua a aumentar, sendo que mais de 1800 cirurgiões já trataram com sucesso mais de 2,5 milhões de olhos.

A técnica SMILE é uma aplicação comprovada?

A tecnologia laser de femtosegundo está clinicamente comprovada, sendo utilizada para cirurgia da catarata e Femto-LASIK. A técnica SMILE é a mais recente inovação a utilizar esta tecnologia laser.

Tem sido efetuada em estudos clínicos controlados desde 2007, encontrando-se comercialmente disponível desde 2011. Os primeiros pacientes tratados com a técnica SMILE são monitorizados há mais de dez anos na sequência do tratamento. Encontra-se atualmente estabelecida em mais de 70 países a nível mundial.

O meu Perfil Visual Determine já os seus hábitos visuais e encontre a sua solução de lentes oftálmicas.
Localizador de Clínicas Encontre a sua clínica de eleição local

Artigos relacionados

LASIK Um breve guia sobre a cirurgia ocular a laser mais praticada
PRK/LASEK Um guia breve sobre cirurgia a laser na superfície do olho
Potenciais riscos e custos da cirurgia ocular a laser No que respeita à correção da visão, estão disponíveis várias opções de cirurgia ocular a laser. MELHOR VISÃO explica os riscos e custos envolvidos.
O processo de cirurgia ocular a laser Se está a considerar a cirurgia ocular a laser, poderá sentir-se um pouco sobrecarregado com todas as informações. MELHOR VISÃO explica cada passo do processo, evidenciando algumas perguntas importantes a colocar ao longo do percurso.
SMILE, LASIK ou PRK/LASEK? Comparação do tratamento Descubra como as cirurgias oculares a laser se comparam
Perguntas frequentes sobre cirurgia ocular a laser Está a considerar a cirurgia ocular a laser? MELHOR VISÃO responde a algumas das perguntas mais frequentes sobre esta opção de correção da visão.
Cirurgia ocular a laser: encontrar a clínica certa Se está a considerar a cirurgia ocular a laser, é importante encontrar a opção de tratamento e clínica mais adequadas às suas necessidades individuais. MELHOR VISÃO compara todas as opções e explica como poderá encontrar a clínica certa.